nav-left cat-right
cat-right

Sustentabilidade a caminho da globalização

Fui positivamente surpreendida com um e-mail da leitora daqui do blog, Amanda Vettore. Amanda é formanda em publicidade, mas adora design de interiores, e pediu para participar do blog escrevendo um post. Gostei da ideia mas avisei a ela que eu era super “cri-cri” com textos e fotos daqui do blog s. Amanda não se intimidou e escreveu este belo post com dados importantes sobre sustentabilidade nas empresas brasileiras. Veja como está bacana:

Ser sustentável hoje em dia passou de obrigação para uma questão de identidade. Empresas de pequeno, médio e grande porte perceberam que ter uma área voltada só para sustentabilidade é importante não só para a sua imagem, mas principalmente para a sua essência como participante direto na contribuição ao bem estar social e ambiental do planeta.

Em uma recente pesquisa divulgada pelo Ibope Ambiental, 52% das empresas brasileiras já possuem uma seção sustentável dentro do seu organograma funcional. Este dado demonstra preocupação em realizar práticas socioambientais dentro e fora das empresas, já que elas também realizam atos voltados à população da região onde as sedes são localizadas.

Ainda sobre o estudo, 7% das empresas da região Nordeste não possuem nenhuma ação sustentável, mas 51% delas acreditam que trabalhar com atitudes ecologicamente corretas é uma atitude muito importante a ser tomada. Na região Norte/Centro Oeste, 46% possuem o mesmo pensamento, assim como 42% da região Sul e 40% na região Sudeste.

De cada 10 empresas entrevistadas – das 400 –, 6 já possuem planos estratégicos de sustentabilidade dentro de suas organizações, sendo que 70% delas afirmaram que seus clientes já buscaram informações sobre atividades exercidas em prol do meio ambiente.

A nossa parte pode ser feita com atitudes simples, como economizar água, ter cuidados com entupimentos, fazer coleta seletiva, produzir menos lixo reaproveitando material, criar adubo orgânico ou uma fossa séptica, biodigestor ou ecológica, plantar mudas, usar menos o carro, passar ensinamentos de respeito à natureza dentro de casa e manter a mente aberta aos novos caminhos e métodos de ajuda à sua região e ao mundo. Afinal, pequenas atitudes realizadas em conjunto, mudam vidas.

Related Posts with Thumbnails
Share

3 Respostas para “Sustentabilidade a caminho da globalização”

  1. givonete disse:

    Prezadas contemporâneas,
    Discutir as questões de meio ambiente é para mim um evento interessante, e fica bem mais quando alguém se coloca assim com tanta legitimidade.Tratar de sustentabilidade institucional, em termos estatísticos com abrangência nacional é uma iniciativa que por si só provoca uma competição “do bem”, que empresa nâo vai querer mudar o Cenário local de uma forma positiva?
    Parabéns Amanda, e parabéns ao pessoal do Blog.
    Givonete

  2. Maria Alice disse:

    Obrigada Givonete!
    Abs!

  3. Amanda disse:

    Olá Givonete,

    Realmente é o que você disse, essa competição do bem já faz com que grande parte das empresas nacionais e internacionais tenha começado a agregar sustentabilidade aos seus valores institucionais. É uma evolução positiva que já se tornou parte da nossa identidade e do dia a dia.

    Obrigada pelo comentário e pelos elogios. :)

    Abraços

Deixe um Comentário